Uema realiza Exposição Equinox São Luís +400 anos


Por em 3 de abril de 2014



O Curso de Arquitetura e Urbanismo realizou, na última quarta-feira (02), no Museu Histórico e Artístico de São Luís, a abertura da Exposição Equinox São Luís +400 anos.

Estiveram presentes o reitor da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), José Augusto Silva Oliveira; a chefe de Gabinete da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Tecnológico do Maranhão (Fapema), Stael Chaves; o cônsul da Itália no Maranhão, Gianluca Maria Bella; a assessora técnica da Reitoria, Grete Pfluger; os organizadores do Projeto Equinox – Atelier Internacional de Criação Urbana, Alex Oliveira e Marluce Venâncio.

O projeto teve início em 2008, quando os departamentos de Arquitetura e Urbanismo da Uema e de Engenharia Urbana da Universidade de Paris-Est Marne-la-Vallée (UPEMLV), motivados pela realização do “Ano da França no Brasil”, em 2009, organizaram um evento de caráter bilateral chamado de atelier Equinox. O atelier foi pensado como laboratório dedicado à inovação urbana, como momento de experimentação.

O professor Alex Oliveira explica que, atualmente, outras universidade participam do projeto: a Escola Nacional Superior de Arquitetura de Marselha (França) e La Sapienza (Roma). No que se refere à exposição ele afirma: “O objetivo é mostrar o que nós temos produzido, quais são nossas reflexões metodológicas e projetuais para enfrentar os desafios das cidades brasileiras e do mundo. São nove projetos desenvolvidos em 2010 para a Cidade de Mont-de-Marsan, no sul da França, que foram desenvolvidos pelos alunos da Uema em parceria com os alunos da Paris-Est Marne-la-Vallée. Essa parceria foi extremamente importante para solidar o arcabouço do Equinox, que é fundado na ideia de cooperação e trabalho conjunto, que chamamos de concepção colaborativa”.

Os trabalhos realizados pelos estudantes foram expostos em forma de banners, com o resumo de seus objetivos de intervenção para a área urbana em questão.

Para o reitor José Augusto, o atelier é um importante processo de aprendizagem tanto para alunos quanto para professores: “O Equinox dá uma largada para que a Uema possa trabalhar um processo de internacionalização importante. É um projeto que além de melhorar a qualidade de ensino de arquitetura, propicia instrumentos importantes para o desenvolvimento dos locais onde os projetos são realizados”.

O estudante de Arquitetura e Urbanimo, Christian Oliveira Moreira Filho, foi um dos idealizadores do projeto urbano “Pungada”, concebido para a área do Centro Histórico. O acadêmico conta que a experiência foi muito enriquecedora, com muita troca de conhecimentos e idéias: “Quando você começa a discutir e ver  ideias e referências de outros lugares, é uma coisa surpreendente, uma palavra que vem com esse projeto é a surpresa, todo mundo troca ideias em prol de pensar na cidade, em projetos que sejam bons e exeqüíveis”, afirma.

Na oportunidade, também houve o lançamento do e-book “De São Luís e França: ideias de futuro para Mont-de-Marsan – França”.

Mais um atelier está previsto para o mês de maio e, desta vez, será realizado na França. Quinze alunos da Uema já estão estudando o contexto urbano parisiense para levarem suas contribuições ao evento.



Últimas Postagens - Array /