Projeto da UEMA tem a maior coleção de Briófitas do Maranhão


Por em 29 de setembro de 2014



As briófitas são plantas criptógamas avasculares, relativamente pequenas, comuns em ambientes úmidos, sombreados e quentes. No sistema de classificação mais atual, elas pertencem às divisões Bryophyta (musgos), Marchantiophyta (hepáticas) e Anthocerophyta (antóceros).

Estudos dessas espécies no Estado do Maranhão ainda são muito escassos. Pensando nisso, o Laboratório de Biologia Vegetal (LABIVE), da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), no Centro de Estudos Superiores de Caxias (CESC), iniciou recentemente um estudo no município de Caxias, por meio do Edital de pesquisa da FAPEMA.

O Edital de Apoio às Coleções Biológicas e Arqueológicas (CBIOMA), tem contribuído na intensificação das coletas deste grupo vegetal, assim como para a organização e estruturação da primeira Coleção de Briófitas para o Estado do Maranhão e Meio Norte do Brasil (Piauí/Maranhão). O projeto da Coleção está sendo coordenado pelo professor Gonçalo Mendes da Conceição, do CESC.

Dentre as atividades desenvolvidas, encontram-se coletas de espécimes de briófitas; análise do material; herborização; classificação quanto a substrato; seleção e envio de duplicatas a Briólogos para confirmação e/ou identificação das taxas. Além disso, estão sendo confeccionadas caixas e envelopes padronizados para a guarda dos espécimes.

As atividades relacionadas que potencializam a formação da Coleção Briológica, fazem parte do Projeto “Coleção Botânica do Laboratório de Biologia Vegetal, Estruturação Organização e Implementação do Acervo da Fitodiversidade do Cerrado Maranhense (FITOCEMA)”. Todas as atividades desenvolvidas para a consolidação da Coleção estão a cargo dos Bolsistas: Maycon Adams da Silva Bonfim, Ingrid Caroline Abreu Soares, Dailma Lima Medeiros, Jadson Cardoso Lima, Werton Francisco Nobre Silva, Daniele Souza dos Santos e Maria da Conceição dos Santos Abreu.

Quanto aos resultados, até o momento, a Coleção Briológica, da Coleção Botânica do CESC, conta com 1.134 espécimes de Briófitas, distribuídas em 22 famílias, 43gêneros e mais de 80 espécies. Os números desta Coleção são bastante expressivos e de suma importância para a efetivação e consolidação do conhecimento da fitodiversidade do Estado do Maranhão, incentivo a projetos de iniciação científica e treinamento para formação de recursos humanos em Briologia.



Últimas Postagens - Array /