UEMA realiza a abertura da X MACCBIO


Por em 21 de outubro de 2015



MACC 2

Abertura X MACCBIO

A Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) realizou, na noite de ontem (20), no auditório do prédio de Ciências Biológicas, a abertura da X Mostra Acadêmica, Científica e Cultural em Ciências Biológicas (MACCBIO), com o tema “Educação e Ambiente: construindo a sustentabilidade”.

Participaram da solenidade de abertura o reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa; a pró-reitora de Graduação e coordenadora Geral do evento, Andrea de Araújo; o pró-reitor de Planejamento, Antônio Roberto Serra; a assistente da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Estudantis, Graça Neri, representando o pró-reitor, Porfírio Candanedo Guerra; a coordenadora de Pós-Graduação, Rita Seabra, representando o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Marcelo Cheche; a diretora do Centro de Educação, Ciências Exatas e Naturais (CECEN), Ana Lúcia Cunha Duarte; o diretor do Curso de Ciências Biológicas, Maurício Bezerra; a assessora de Gestão Ambiental, Zafira da Silva de Almeida e a coordenadora discente da MACCBIO, Ana Flávia Ribeiro Sousa.

De acordo com o reitor da UEMA, Gustavo Pereira da Costa, “essa Mostra é extremamente contagiante, pois apresenta a grande mobilização da comunidade acadêmica ao longo desses 10 anos, se comprometendo a desenvolver um espaço de promoção do debate e compartilhamento de saberes. O processo de construção da educação é gradual, a X Mostra Acadêmica, Científica e Cultural vem nos preencher em todas as nossas necessidades, com o debate da agenda “educação e meio ambiente” que está em grande evidência na contemporaneidade”.

E finalizou, “espero que esse evento atenda todas as expectativas, destaco ainda, a relevância e importância da universidade prestar contas com a sociedade e que daqui possam surgir excelentes ideias”.

A pró-reitora de Graduação e coordenadora Geral do evento, Andrea de Araújo agradeceu a turma 2011.2 pela parceria para a realização desta X edição, durante todo o ano e destacou, “essa construção coletiva foi resultado de uma grande mobilização de todos, o que nos motiva a cada vez mais realizar eventos dessa magnitude. Desejo a todos uma Mostra bastante produtiva”.

O objetivo do tema do evento é congregar os interessados em debate e aprofundar conhecimentos relacionados ao Ambiente e a Sustentabilidade divulgando produções de cunho Educacional, Científico e Cultural. Além disso, a MACCBIO visa a integração acadêmica e cultural dos discentes e docentes de diferentes Instituições de Ensino Superior e da Educação Básica acerca dos diferentes campos do conhecimento.

Com essa temática, a X MACCBIO reconhece a importância da educação, mas também a absoluta relevância do ambiente em que vivemos. Ambiente em todos os âmbitos: social, cultural, histórico, ecológico e natural. A coordenação geral do evento frisou, “acreditamos que todos podem coexistir harmoniosamente. E nos esforçaremos na academia e na sociedade para que isso se torne possível. Juntos, construiremos a sustentabilidade”.

O evento acontecerá até a próxima sexta-feira (23), e terá uma vasta programação que inclui minicursos, palestras, apresentação de trabalhos científicos, mesas redondas, oficinas e workshops.

Para finalizar a noite, foi realizada a palestra de abertura, intitulada “O que a crise da água nos ensina”, proferida pelo professor Carlos Eduardo de Mattos Bicudo.

OFICINA MODELOS DIDÁTICOS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA MARINHA

MACC

Oficina

Uma das oficinas que aconteceu no primeiro dia da MACCBIO foi sobre Modelos didáticos para o ensino de Biologia Marinha, coordenada pela professora Andréa Azevedo Cutrim, do Laboratório de Biologia Vegetal e Marinha da UEMA (LBVM).

Durante a oficina, os participantes aprenderam a produzir réplicas de organismos marinhos utilizando material reciclável para que, posteriormente, possam aplicar a atividade em sala de aula, tornando o processo de aprendizagem mais dinâmico.

Para a professora Andréa Azevedo, a oficina traz a ideia de sustentabilidade e isso está alinhado com o tema abordado este ano pela MACCBIO (Educação e Meio Ambiente: Construindo a sustentabilidade). “Estamos utilizando recursos reciclados, inclusive, fizemos campanha para coletar jornais usados a fim de produzir as réplicas dos animais marinhos”, disse.

Todos os participantes da oficina receberam cartilhas do projeto de Extensão “Recursos didático-pedadógicos utilizados no estudo de Biologia Marinha”. A cartilha “Modelos didáticos para o ensino de Biologia Marinha”, impressa pela Editora UEMA, contém o passo a passo para confecção dos materiais de estudo fabricados durante a atividade.

“A cartilha serve de suporte à oficina porque entendemos que esse conhecimento deve ser multiplicado, dessa forma, passamos a distribuir nas escolas por onde realizamos o trabalho, além de apresentá-la em congressos também”, comentou a estudante do 8º período de Ciências Biológicas e uma das ministrantes da oficina, Isabel Cristina Vieira da Silva.

Por: Karla Almeida

Fotos: Edson Costa

 



Últimas Postagens - Array / noticias-uema