Campi Timon, Coelho Neto e Codó receberam a Reitoria Itinerante


Por em 28 de agosto de 2017



IMG_0238

A Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) realizou mais uma etapa das ações da Reitoria Itinerante (RI) nos Campi Timon, Coelho Neto e Codó com o objetivo de atender às demandas locais, colocando à disposição da comunidade universitária, durante todo o dia, equipes das pró-reitorias, assessorias especializadas, coordenações e núcleos existentes, no sentido de viabilizar as diversas solicitações.

O reitor Gustavo Pereira da Costa destaca que o projeto Reitoria Itinerante consiste numa iniciativa da gestão central da UEMA para promover atendimentos in loco nos campi da Universidade, por meio dos setores ligados diretamente à Reitoria.

“O gerenciamento de uma instituição como a UEMA é extremamente complexo, devido a sua larga presença territorial, isso exige que estejamos sempre ligados, atentos a o que a comunidade universitária, com todas as suas especificidades, tenha de demandas. Por isso, quando idealizamos o projeto da RI, buscou-se percorrer os nossos campi e, juntamente com os nossos professores, alunos e gestores, procuramos reafirmar o papel da UEMA, discutir os planos, ouvir as reivindicações e demandas, além de apresentar, como forma de prestação de contas, aquilo que estamos fazendo nesses dois anos e sete meses de gestão”, afirmou.

“Imagino que várias são as questões de interesses de cada um, seja de professores e, sobretudo, de estudantes, por isso, os setores presentes estão à disposição da nossa comunidade para orientar, esclarecer, tirar dúvidas e apresentar nossos programas. Este é um processo necessário de autoconhecimento, precisamos conhecer nossa instituição, e essa é uma excelente oportunidade para que isso aconteça. Hoje temos as tecnologias que eliminam distâncias, porém é muito importante esse contato pessoal, esse olhar no olho para estabelecermos com franqueza um bom diálogo, então, é nesse sentido que nós estamos indo aos campi”, finalizou o Reitor.

IMG_0237A diretora do Campus Timon, Edite Sampaio, destacou a importância da proposta da Reitoria Itinerante, “a RI é uma proposta bastante salutar, especialmente para os diretores, alunos e professores que estão nos campi mais distantes da capital, porque dada essa distância, temos uma maior dificuldade que limita nosso trabalho. A presença das pró-reitorias, coordenações, e, especialmente, do nosso Reitor, aproxima a comunidade estudantil de toda a reitoria e do trabalho que é desenvolvido na capital, isso é sinônimo de que o Reitor está afinado com seu público estudantil e disposto a ouvir os anseios e as necessidades de toda a academia”.

E enfatizou, “o que observamos é a participação maciça dos alunos, interessados em todas os setores presentes, isso mostra a importância desse momento, como um processo de democracia. Parabéns a todos da equipe, eu realmente só tenho a agradecer por ver uma reitoria funcionando a contento, com a certeza que minhas palavras reforçam as palavras de toda a comunidade estudantil”.

A aluna Tainá Guedes, do 4º período de Pedagogia do Campus Timon, disse: “Essa é uma iniciativa muito importante para nós alunos, pois com um maior contato com os setores da UEMA temos a possibilidade de tirar nossas dúvidas e também colocar nossos problemas do Campus, solicitando soluções”.

IMG_0241No Campus Codó, a aluna da UNABI, Graça Rocha, mencionou a importância do Projeto UNABI na vida de todos os alunos e da presença da equipe da RI: “a Reitoria Itinerante é uma excelente ideia, pois podemos, através do contato direto, trocar experiências, tirar nossas dúvidas e fazer reivindicação”.

Por: Karla Almeida



Últimas Postagens - Array / noticias-uema