Reunião debate melhorias para laboratórios de Enfermagem da UEMA


Por em 24 de novembro de 2017



Vice-reitor da UEMA debate melhorias para laboratórios de Enfermagem da UEMA em reunião.

Vice-reitor da UEMA debate melhorias para laboratórios de Enfermagem da UEMA em reunião.

Nesta sexta-feira (24), o vice-reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Walter Canales Sant-ana, se reuniu com representantes dos cursos de enfermagem da instituição e representantes da rede de saúde municipal.

O objetivo da reunião era debater sobre a criação de um projeto que visa implantar melhorias nos sete laboratórios do curso de Enfermagem da UEMA, presentes nos municípios de Colinas, Bacabal, Coroatá, Caxias, Santa Inês, Balsas e Grajaú.

“Esta reunião é importante para identificar varias questões relativas aos laboratórios de enfermagem, que apresentam dificuldades e problemas pontuais. Assim, buscamos condições adequadas de funcionamento em cada uma delas, para, de forma conjunta, realizarmos o nivelamento desses laboratórios”, pontuou Walter Canales Sant-ana.

Diretores e professores do curso de enfermagem dos sete campi citados apresentaram o panorama atual de cada laboratório, com as demandas necessárias para a finalização do projeto, que sairá ainda este ano. “O projeto será finalizado ainda este ano, para que, em 2018, sejam feitas as melhorias necessárias até o fim do primeiro semestre. Com isso, pretendemos inaugurar as aulas do segundo semestre de 2018 já sob essa nova ótica”, reforçou o vice-reitor da UEMA.

Projeto para laboratórios de Enfermagem da UEMA será executado em 2018.

Projeto para laboratórios de Enfermagem da UEMA será executado em 2018.

O projeto visa, ainda, além do nivelamento de equipamentos, propor cursos de pós-graduação, suprir as carências para um responsável pelo laboratório, analisar as condições de infraestrutura e melhorar as questões de ensino e a ligação com a rede local de hospitais.

Para Ana Lúcia Nunes, assessora técnica da Secretaria de Estado Extraordinária de Articulação das Políticas Públicas (Seepp), a iniciativa deste mapeamento é extremamente necessária. “É importante pois se cria uma cultura de pensar laboratórios comuns para todos os campi, de discutir o corpo docente com a academia e também de qualificar o ensino-serviço”, analisou.

“Este projeto será muito bem-vindo, principalmente em suprir a nossa carência em dar visibilidade aos nossos laboratórios e as estruturas de cada um. (…) Será de grande valia, pois vai atender não somente os alunos e professores do curso de Caxias, mas todo o Maranhão”, acrescentou Josenilde Teixeira Câmara, diretora do curso de Enfermagem do Campus Caxias.

 

Por: Gustavo Sampaio.

Fotos: Luís Paulo.



Últimas Postagens - Array / noticias-uema