UEMA certifica alunos do Programa Universidade Aberta Intergeracional (UNABI)


Por em 30 de novembro de 2018



IMG_2778Promover atividades gerontagógicas intergeracionais a fim de possibilitar a inserção de pessoas idosas na Universidade, proporcionando trocas de saberes com vistas a inserção social e melhoria da qualidade de vida, esse é o eixo norteador da Universidade Aberta Intergeracional (UNABI) da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) que certificou na noite de ontem (29) 56 alunos.

O Programa UNABI é realizado por meio da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Estudantis (PROEXAE) e surgiu para atender as demandas localizadas nos municípios que contemplam os Campi da UEMA.

A solenidade de certificação aconteceu no Centro de Educação, Ciências Exatas e Naturais (CECEN) – Campus Paulo VI. Mais de 250 pessoas estiveram presentes, dentre elas, o pró-reitor da PROEXAE, Paulo Catunda, que presidiu o evento; a coordenadora geral da UNABI, Efigênia Magda de Oliveira Moura; a coordenadora do Polo São Luís, Conceição Neiva Pacheco; o Promotor de Justiça de Defesa do Idoso, Dr. José Augusto Cutrim Gomes. Além de professores do Programa UNABI, diretores de Centro e de Curso, assessores, convidados e familiares dos alunos.

A concludente Cleudimar Lima de Lemos, oradora oficial da turma de formandos, disse: “Quando se é jovem, depois da formatura a ficha cai e bate um desespero, mas formados na melhor idade, não tem com o que nos preocuparmos, nossa vida está pronta. Antes a nossa perspectiva era ficar em casa, cuidando dos netos, fazendo crochê ou ficar em frente a televisão assistindo a uma programação que pouco acrescenta ao nosso desenvolvimento. Hoje nossa vida está muito mais agitada e dinâmica. Agora temos a nossa faculdade da terceira idade, ou Universidade Aberta Intergeracional – UNABI, da qual fazemos parte e que nos proporcionou experiências maravilhosas e conhecimento em diversa áreas”.

O Pró-Reitor da PROEXAE, Paulo Catunda destacou, “a UNABI é muito marcante para mim. Se formos olhar em sua essência, dentro deIMG_2650 uma Universidade que tem ensino, pesquisa e a extensão se consolidando, podemos observar o diferencial desse Programa. É um lugar em que conhecemos a história dessas pessoas que já passaram por muitas situações difíceis e que hoje participam de diversas atividade, viajam, cantam em coral, estudam o direito dos idosos, de como eles devem se alimentar, sobre a gerontologia  e como consequência, você vê a satisfação das famílias. Portanto, podemos afirmar que a UEMA está no caminho certo de desenvolver e continuar com a UNABI”.

De acordo com a coordenadora geral da UNABI, Efigênia Magda de Oliveira Moura, a UNABI pela sua concepção e valor social amplia e valoriza a extensão na Universidade. “O Programa busca estimular pessoas a conhecerem sua essência, superar seus limites, aceitando, sobretudo, as mudanças que ocorrem em seu corpo e sua mente, para então promover adaptações e superações”.

A coordenadora do Polo São Luís, Conceição Neiva Pacheco afirmou, “é impossível transcrever em palavras o quão bom é assistir o crescimento de nossos formandos. Ainda que não seja humanamente possível conhecer e entender toda a história de alguém, o que vemos aqui não são senhores e senhoras que estavam entediados, o que vemos aqui são guerreiros do saber. São pessoas que deixaram, que permitiram que a educação transformasse sua vida por mais uma vez. Pessoas que demonstram que a determinação é força incorruptível, e que ela nasce e é cultivada em qualquer um de nós. Nossos formandos estão de parabéns, não apenas por concluírem o curso, mas pela capacidade de nos inspirar a sermos ainda melhores que fomos ontem, para que o amanhã seja repleto de luz. A UNABI se orgulha de todos vocês”.

A cerimônia da UNABI contou também com a apresentação musical do coral da UNABI, o coral oficial da UEMA.

IMG_2697

Por: Karla Almeida

Fotos: Rafael Carvalho

 



Últimas Postagens - Array / noticias-uema