IV Encontro LIDA reúne pesquisadores e estudantes no CCSA


Por em 22 de setembro de 2017



IMG_3661Biopolítica, Sociedade de Controle e Resistências. Esse é o tema do IV Encontro do Grupo de Estudos LIDA (Lutas Sociais Igualdade e Diversidade), da Universidade Estadual do Maranhão. Durante toda essa quinta (21) e sexta-feira (22) pesquisadores, professores e alunos reúnem-se para debater a temática do evento, que acontece no auditório do Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA).

A abertura oficial do Encontro contou com a presença do coordenador do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Socioespacial e Regional, José Sampaio de Mattos, da diretora do CCSA, Helciane Araújo, da representante da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Jeane Ferreira de Sousa, da representante da FAPEMA, Silvane Magali, da coordenadora geral do evento, Marivânia Furtado, e do representante da comunidade Quilombola MOQUIBOM, João da Cruz.

De acordo com a coordenadora do evento, o objetivo do Encontro é discutir as contribuições de Michel Foucault ao pensamento político, sobretudo os conceitos de poder disciplinar e Biopolítica:

“Os temas debatidos no LIDA são um desafio aos integrantes e ao mesmo tempo uma estratégia de iluminar reflexões próprias e intervenções na sociedade. As discussões do tema, as intervenções que o próprio grupo faz junto às comunidades quilombolas e indígenas, têm contribuído para a formação tanto acadêmica quanto humana desses alunos que são integrados ao grupo e que irão participar do evento”, apontou a docente.

Durante a abertura, a representante da FAPEMA destacou o papel da Universidade como campo de conhecimentoIMG_3672 coletivo:

“Nós somos a resistência. Estamos aqui para fazer a Educação e a Ciência valer, colocá-las na agenda das políticas públicas, e fazer uma Ciência que vai além dos muros da universidade, por isso a FAPEMA tem prazer em apoiar iniciativas como essa”.

Já a diretora do CCSA, Helciane Araújo, enfatizou o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo Grupo de Estudo: “É uma alegria ver o empenho dos grupos de estudos deste Centro. O LIDA vem conseguindo conciliar os pilares essenciais da Universidade, que são o ensino, a pesquisa e a extensão”.

Biopolítica, Sociedade de Controle e Resistências

Como parte da programação do evento, a pesquisadora Maria Vitória Borges Dias, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), ministrou a palestra de abertura, que debateu a temática central do Encontro.

“A temática é um desdobramento das leituras específicas que o grupo tem empreendido no momento, a partir de Foucault, no sentido de pensar como esse autor e essa temática se congrega no universo de demandas sociais e, sobretudo, de resistências, no momento em que o estado, ao propor uma perspectiva de controle de organização da sociedade, não se legitima a partir dessa sociedade, que é diversa, é plural, e que resiste a todo e qualquer dispositivo de poder empreendido sobre as pessoas em coletividade”, destacou.

 

Texto: Carol Ribeiro

Fotos: Edson Costa



Últimas Postagens - Array / noticias-uema