Campus de Caxias realiza workshop em comemoração aos 20 anos de EaD/UEMA


Por em 21 de maio de 2018



Para comemorar os 20 anos do Ensino à Distância (EaD) na UEMA, foi realizado sábado (19) no auditório do CESC/UEMA, em Caxias, um workshop que abordou diversos temas trabalhados por esse núcleo da instituição.

20180519_093359

(Foto: Emanuel Pereira)

Pela manhã, na cerimônia de abertura, para compor a mesa foram convidados a Profª Dra. Valéria Cristina, Diretora do CESC/UEMA; o Vice-Reitor, Profº Dr. Walter Canales Sant’Ana; a Profª Lourdes Maria Paula, Coordenadora Adjunta UAB/UEMAnet e a Profª Wirna Pereira, Diretora do Pólo EaD em Caxias. Na plateia, diversas turmas do Curso de Pedagogia nas diversas especialidades e muitos que têm compromisso e interesse pela educação.

Antes dos pronunciamentos uma equipe do Curso de Música, feito à distância, executou dois clássicos com instrumentos de sopro.

A Profª Valéria agradeceu a todos no auditório pela presença. “O Ensino à Distância é uma realidade mundial e graças a diversas parcerias a UEMA oferece vários cursos nesta modalidade”. Ela lembrou a importância dos tutores e o pioneirismo da UEMA quando começou a oferecer esse recurso.

Segundo a Diretora do CESC/UEMA, uma grande equipe faz esse trabalho dar certo: “Os cursos à distância complementam a formação e atraem quem realmente tem interesse. Cada vez mais pode ser vista a qualidade desse trabalho. O EaD vai além das fronteiras; temos muito carinho por esses cursos. Os alunos usam laboratórios e os tutores ficam em contato constante conosco. Assim, eles saem não apenas com o diploma, mas com o conhecimento”.

A Profª Wirna referiu-se à qualidade do Ensino à Distância: “Isso é totalmente possível. Esse tipo de ensino deve crescer ainda mais. Precisamos entender isso; tanto que está prevista a abertura de mais editais para cursos de pós-graduação”.

20180519_093312

(Foto: Emanuel Pereira)

Contente por estar de volta à instituição onde se formou em Pedagogia, a Profª Lourdes Maria citou os termos “próximo” e “distante” para definir a importância desse tipo de trabalho desenvolvido na UEMA: ”As ferramentas tecnológicas existentes hoje permitem que as pessoas estejam nas duas situações ao mesmo tempo. Além deste Workshop em Caxias, hoje também estão sendo feitos outros em Bacabal e Imperatriz”. Ela lembrou o trabalho das Professoras Ilka Serra(Coordenadora do Núcleo) e Heloísa Varão, que agilizam as atividades. E que em abril, maio e junho estão sendo feitos 35 workshops para socializar, divulgar, mostrar as ferramentas usadas no EaD UEMA; dinamizar mais o curso.

O Vice-Reitor Walter Canales lembrou como era feito o ensino à distância nos anos 60 e sua evolução até o patamar atual. “A UEMA tem 36 anos e possui mais de vinte mil alunos em 19 municípios. Nada melhor que os cursos à distância para vermos a abrangência disso. Na década de 60 o IUB (Instituto Universal Brasileiro) era a alternativa existente para quem estudava à distância – por correspondência. Depois veio a parte da TV, com os telecursos; a alfabetização nos primeiros níveis para quem queria se alfabetizar e os cursos de apoio para o vestibular. Hoje temos a internet”.

O Vice-Reitor disse que tudo começou em 1998, com o PROCAD, quando os docentes tinham formação média, mas sem preparo para desempenhar esse tipo de trabalho. “Tivemos assessoria da Universidade de Mato Grosso para nos ensinar. Em 2000 submetemos ao MEC um credenciamento e em 2001 foi institucionalizado o NEAD. Nesse trabalho de implantação fomos a 1ª universidade do Nordeste e a 6ª do Brasil. Em 2008 o NEAD passa a se chamar UEMANET. Com a abrangência fomos para os cursos de pós-graduação, os tecnológicos e os mais de 30 cursos de pequena duração”.

Um dos pontos citados nas falas foi o preconceito contra esse tipo de modalidade de ensino. No início sua eficiência foi posta em dúvida. Há 10 anos ninguém imaginava que fosse possível fazer um curso de música à distância.  O Vice-Reitor acredita que isso continuará: “O preconceito está mudando, os cursos estão melhorando. Creio que nesse caminho deixaremos de falar em educação ‘à distância’ e ‘presencial’ , pois haverá uma educação híbrida. A prova dessa mudança e da qualidade do EaD da UEMA é que professores do Sul e Sudeste vêm à UEMA ver como funciona o nosso sistema”.

No final da manhã , dando prosseguimento à programação, a Profa. Lourdes Paula realizou uma palestra abordando detalhadamente as etapas do EaD UEMA nesses 20 ANOS . À tarde fez-se uma mesa redonda que tratou de Metodologias e Mídias Digitais na formação do pedagogo e a Integração de Metodologias Ativas e Tecnologias.

EaD  UEMA – 20 ANOS

1998 – Professores recebem consultoria da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso) para capacitação em Ensino à Distância;

2004 – Fascículos são enviados de Mato Grosso;

2006 – Implantação dos Cursos de Ciência da Religião e Projeto Piloto Administração Bacharelado – UAM  Plataforma IPTV;

2009 – Licenciatura em Pedagogia; Pedagogia Complementação e Licenciatura em Filosofia;

2012 – Oferta dos Cursos Técnicos (nível médio)  e-TEC;

2014 – Implantação do Sistema de Controle Acadêmico; oferta de Cursos Abertos;

2015 – Lançamento da Revista “TICs e EaD em Foco” – publicação online, científica e multidisciplinar;

2016 – Cursos de graduação, Licenciatura em Música e Licenciatura em Geografia;

2017  –   1 º Simpósio Internacional de Inovação em Educação Superior; Vestibular somente para cursos à distância.

Por Emanuel Pereira. 



Últimas Postagens - Array / noticias-uema