Reitoria e ARI realizam reunião de alinhamento de planejamentos estratégicos para o quadriênio 2019-2022

Reunião de Planejamento com a Reitoria (1)O reitor da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), Gustavo Pereira da Costa, e o vice-reitor Walter Canales Sant’Ana reuniram-se com a equipe da Assessoria para Relações Internacionais (ARI), no dia 15 de janeiro, com o objetivo de alinhar os planejamentos estratégicos na internacionalização da universidade para os próximos 4 anos, tendo como ponto de partida a carta de proposta do reitorado e o plano institucional de relações internacionais da universidade.

Participaram da reunião Rita Maria Nogueira, pró-reitora de Pesquisa e Pós-Graduação (PPG), Fabíola de Jesus Soares Santana, pró-reitora adjunta da Pró-Reitoria de Graduação (PROG), José Oscar Pereira, assessor da Reitoria.

De acordo com o reitor, a ARI pode ser considerada como um marco no processo de internacionalização da UEMA, que começou em 2015. Nesses quatro anos, o reitor reeleito para o próximo quadriênio 2019-2022 avaliou como um conjunto de ações muito significativo em um curto espaço de tempo.

“A partir da ARI, a importância se deu em razão de termos um órgão catalizador e mobilizador da internacionalização, um ponto focal na estrutura que pudesse dar convergência para projetos, acordo de cooperação, intercâmbio e mobilidade, tudo que compõe a agenda das universidades no que diz respeito a sua internacionalização”, avaliou Gustavo da Costa.

O vice-reitor parabenizou o professor Thales de Andrade, assessor da ARI desde 2015, e toda a equipe da assessoria pelo que foi feito durante esses 4 anos. “Era um grande desejo nosso a criação dessa assessoria por tudo que ela representa e por tudo que a internacionalização representa para a Universidade, no que se refere à pós-graduação e à graduação”, declarou.

Reunião de Planejamento com a Reitoria (2)Durante a reunião, reitor e vice-reitor elencaram as ações realizadas pela ARI desde então. “Isso significou um aumento do número de acordos de cooperação com instituições estrangeiras, de projetos de cooperação internacional, de mobilidade de docentes, da inserção da UEMA na composição de redes, como a Rede de Internacionalização capitaneada pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, e a própria Federação das Assessorias de Internacionalização das Universidades” analisou o reitor. Foi também lembrado as realizações do Café Internacional, que teve a 4ª edição em dezembro de 2018, inserindo-se, assim, no calendário anual de eventos importante da UEMA.

No que diz respeito ao UEMA Bilíngue, destacou-se a importância em se trabalhar na política do projeto, principalmente, na aproximação dos professores de graduação e pós-graduação de um segundo idioma, a fim de melhorar as divulgações se suas publicações em jornais acadêmicos de renome internacional e aumentar o número de pesquisas citadas, elevando a UEMA na categoria de universidades brasileiras.

Além disso, o reitor autorizou o lançamento oficial da revista internacional UEMA News no site bilíngue da ARI e sua divulgação nas universidades estrangeiras.

Ao final da reunião, o reitor destacou que é indispensável pensar, para os próximos 4 anos, no aperfeiçoamento da política de internacionalização da UEMA, focando em três ações necessárias: evoluir na aquisição de um segundo idioma, principalmente de professores e funcionários, promover a mobilidade dos docentes em graduação e pós-graduação e melhorar a política de recepção dos professores e pesquisadores internacionais para graduação e pós-graduação.

Fazem parte da equipe da ARI o assessor Thales de Andrade, o assessor-técnico Alamgir Khan, a assessoria jurídica Geysa Azevedo, a assistente técnica Liana Pavão, a assistente de comunicação, Raysa Guimarães, a estagiária Thays Paiva, e a professora Maura Rejanne Amorim, do campus Caxias.

Por: Raysa Guimarães – ARI

Compartilhar.