Aberta a I Semana de Engenharia Civil da UEMA em homenagem aos 50 anos do curso


Por em 13 de dezembro de 2017



IMG_4924A I Semana de Engenharia Civil da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), que este ano homenageia os 50 anos da Escola de Engenharia Civil, foi aberta, oficialmente, na noite dessa terça-feira (12), com uma cerimônia na sede da FIEMA, em São Luís. O evento, que ocorre entre os dias 12 e 15 de dezembro, contou com a presença de alunos, professores, profissionais do mercado e autoridades.

“Faz parte das atividades dos cursos promoverem eventos com palestrantes diversos para que os alunos tenham conhecimento do mercado de trabalho, pesquisas da área, etc. Então, essa é uma atividade curricular importante porque integra o currículo e porque eles tem contato com profissionais de diversas áreas”, comenta o vice-reitor da UEMA, Walter Canales.

IMG_4936Na programação constam palestras com ex-alunos, que irão contar sobre as experiências da vida acadêmica e atuação no mercado de trabalho. “Relembrar a própria história é sempre importante. Uma pessoa que não tem memórias, não tem referência. Por isso, um evento como esse é importante para sabermos de onde viemos e, assim, saber para onde vamos. A minha palestra fala um pouco de tecnologia e sobre o futuro”, explica o Prof. Me. Rogério Lima, palestrante e professora da Universidade Estadual do Maranhão, que falou sobre “Plataforma BIM e sua implantação”.

Durante a Semana, serão realizadas diversas atividades para divulgar, refletir e discutir o ensino da universidade, integrando diversos profissionais, docentes, discentes, gestores, técnicos e a comunidade em geral. Além disso, pretende homenagear o curso e os benefícios que sua instalação trouxe para o Maranhão e para o Brasil.

“Viemos por conta dessa homenagem aos 50 anos do curso de Engenharia Civil, que surgiu até mesmo antes da universidade. É uma semana que está sendo tanto de homenagens quanto de palestras para todos os públicos, dos que já se formaram até os que estão se formando agora. Esse é o momento de interagirmos com pessoas mais experientes, que já se formaram e que estão há muito tempo no mercado”, comentou o aluno Chrysthyan Rhayhan, do terceiro período do curto, contando que pretende ver, em um futuro próximo, o mercado da engenharia voltar a se aquecer.

Redação: Lucas Vieira



Últimas Postagens - Array / noticias-uema